Ciberbullying e criminalização: diferentes pontos de vista

Comportamento Online

Ciberbullying e criminalização: diferentes pontos de vista

Compartilhar

O ciberbullying, semelhante a outros comportamentos agressivos, pode ser uma forma de expressar que algo não está bem. Entendemos que situações de conflito e violência entre pessoas menores de idade devem ser resolvidas com educação e não apenas com punição.

Entendemos que o ciberbullying é um fenômeno que envolve apenas crianças e adolescentes.  Quando envolvem adultos, pode ser entendido como crime de ofensa e difamação. O ciberbullying, semelhante a outros comportamentos agressivos, pode ser uma forma de expressar que algo não está bem. Crianças e adolescentes que praticam ciberbullying podem estar passando por dificuldades e expressando seu sofrimento através da violência contra os outros.

Há uma discussão no âmbito jurídico para criminalizar o ciberbullying. Entendemos que situações de conflito e violência entre pessoas menores de idade devem ser resolvidas com educação e não apenas com punição. Escola e família têm um importante papel.

Após se esgotar as medidas educativas e mediadoras é que se deve considerar, para casos graves, possíveis sanções e punição. Ciberbullying pode ser denunciado e os responsáveis punidos quando houver ato infracional.